Campanha conscientiza motoristas e passageiros sobre acidentes de trânsito na BR-050 no Triângulo

0

Uma campanha de conscientização de motoristas na BR-050, em Uberlândia, Uberaba e Araguari está em andamento para celebrar o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito que acontece neste domingo (19). A data foi instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU) e entidades de diversos países sempre no terceiro domingo de novembro.

Segundo a MGO, concessionária que administra a rodovia, a Campanha “1 minuto de silêncio” tem o objetivo de conscientizar e sensibilizar motoristas e passageiros para que reflitam sobre a dimensão e consequências dos acidentes no trânsito.

A concessionária vai distribuir 20 mil exemplares do informativo “Boa Companhia” nas praças de pedágio, com anúncio da campanha e números de vítimas por minuto no mundo, além de inserir mensagens nos painéis de mensagens variáveis eletrônicos (PMVs) ao longo da BR-050, no Twitter e no site. Haverá, também, cartazes nas cabines das praças de pedágio e oito outdoors da campanha nos trechos.

“Esse 1 minuto de silêncio é para lamentar as perdas de vidas, mas também para pensar. Isso diz respeito a todas as pessoas, já que, direta ou indiretamente, as vítimas podem ser parentes próximos, amigos, conhecidos. É sempre bom lembrar que isso não acontece só com os outros. Somos todos vítimas dessa violência no trânsito”, diz Sergio Luccas, coordenador de comunicação da MGO Rodovias.

Um dia para homenagear a vida

O Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito foi criado em 1993 pela Road Peace, uma organização do Reino Unido, em prol das vítimas de acidentes rodoviários. Desde então, a Road junto com a Federação Europeia e as organizações parceiras, realizam essa mobilização em todo o mundo.

De acordo com o portal oficial sobre o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito, as seis maiores causas de mortes no trânsito são o excesso de velocidade, o consumo de bebidas alcoólicas, a falta de cinto de segurança, a falta de equipamento de segurança para as crianças (cadeirinha e o assento de elevação), a falta do capacete aos usuários de motocicleta e o uso do celular.

A violência do trânsito brasileiro

Segundo levantamento do Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), o Brasil registra cerca de 47 mil mortes no trânsito por ano – uma a cada 12 minutos – e, de acordo com dados do DPVAT (2014), cerca de 600 mil pessoas ficam com sequelas permanentes, uma a cada minuto, resultantes dos acidentes nas vias e rodovias do país. “O custo dessa epidemia ao país é de R$ 56 bilhões. Com esse dinheiro, seria possível construir 28 mil escolas ou 1.800 hospitais”, informa o diretor-presidente do Observatório, José Aurélio Ramalho.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here