Centro acompanha quase 100 crianças e adolescentes para evitar suicídio em Macapá

0

Atualmente cerca de 100 crianças e adolescentes que são acompanhados pelo Centro de Atenção Psicossocial da Infância e Adolescência (CAPS-i), em Macapá. Nesta terça-feira (12), uma blitz educativa alertou e orientou condutores e pedestres a identificarem pessoas com ideias suicidas, para poderem ajudar a salvar vidas.

Mesmo debaixo de chuva, a equipe do CAPS-i distribuiu panfletos que explicaram melhor sobre a condição dessas pessoas.

A “Blitz pela Vida” aconteceu na esquina da Avenida FAB com a Rua Leopoldo Machado, no Centro de Macapá e a a programação faz parte da campanha “Setembro Amarelo”.

“Estamos falando de sinais e sintomas do suicídio, lugares onde a pessoa pode procurar ajuda, e tentando desmitificar a saúde mental. Muita gente discrimina e estamos aqui para mostrar que não é uma brincadeira, não é frescura, mas algo relacionado a transtorno mental, vinculado com várias outras patologias, como a depressão, esquizofrenia e o bullying”, comentou o coordenador do CAPS-i, Cássio Monteiro.

Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o VC no G1 AP ou por Whatsapp, nos números (96) 99178-9663 e 99115-6081.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here