Colecionador transforma carro em “Batmóvel” em Uberlândia

0

Um morador do Bairro Roosevelt, em Uberlândia, que sempre gostou de objetos antigos, resolveu inovar e transformou o carro modelo Corcel 1, em um “Batmóvel”. Cheio de estilo, Gilberto Carlos dos Santos, de 50 anos, desfila nas ruas da cidade com o automóvel inspirado no herói dos quadrinhos.

O colecionador, que trabalha com demolições de casa, disse que a ideia de construir o Batmóvel veio logo após ver uma promoção. “Fui abastecer e ni uma promoção em que o vencedor ganharia uma réplica do carro do Batman. Como não ganhei, resolvi eu mesmo fazer o meu próprio Batmóvel,” disse.

A reforma do carro foi feita pelo prórpio Gilberto. Ele conta como foi todo o planejamento. “Eu que faço todas as modificações nos carros, penso em como gostaria que ele ficasse, e eu mesmo faço as alterações, pinto os veículos e coloco os assessórios,” afirmou.

Gilberto ainda disse que sempre foi fã do herói dos quadrinhos e o carro do Batman faz sucesso nas ruas de Uberlândia. “Algumas pessoas me seguem, outras me pedem para tirar fotos com ele. Em todos lugares que passo com o Batmóvel, as pessoas ficam olhando e achando diferente,” relatou.

O dono do carro inusitado afirmou que já recebeu propostas de compara, mas isso não está nos planos dele. “Tive várias oportunidades de vendê-lo, as pessoas que gostam de carros antigos como eu e sempre querem comprar, mas não vendo de jeito nenhum”.

Gilberto contou que, além do Batmóvel, tem outros 10 carros personalizados. Ele disse que possui oito carros do modelo Corcel 1, duas Combs, e um Fusca que é todo pintado de verde e amarelo em homenagem ao Brasil.

“Eu tenho vários carros, todos personalizados. Tenho Combi azul, Fusca verde amarelo, um outro Corcel vermelho que coloquei faixas brancas, mas sem dúvidas, o que mais faz sucesso nas ruas é o Batmóvel”

Todos os carros de Gilberto são personalizados apenas com assessórios e pintura. O colecionador afirmou também que não modifica o interior do veículo e que somente 20% dos carros são pintados, 80% deles permanecem com as cores originais.

Gilberto conta que sua paixão por objetos antigos vem desde mais jovem. Os veículos ele começou a colecionar há aproximadamente cinco anos, porém outras coisas, como telefones e máquinas fotográficas já vem de longa data e também podem ser consideradas paixão do colecionador.

“Sempre gostei muito de coisas antigas, minha casa é cheia de máquina de fotográfica e telefones, sou um colecionador. As pessoas chegam aqui e sempre querem comprar alguma coisa,” disse.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here