Escola José Carlos Neri é liberada após vistoria do Corpo de Bombeiros em Guajará-Mirim, RO


Aulas recomeçam na próxima segunda-feira (19). Prefeitura terá 180 dias para fazer instalação de hidrantes e SPDA. Escola em Guajará-Mirim foi interditada por falta de equipamento de segurança
Fabiano do Carmo/G1
A Escola Municipal José Carlos Neri foi liberada pelo Corpo de Bombeiros na manhã desta sexta-feira (16), no Bairro Próspero em Guajará-Mirim (RO), município distante a pouco mais de 330 quilômetros da capital. A escola atende cerca de 480 alunos e foi interditada no dia 7 por falta de equipamentos de segurança.
Segundo Josimar Bragado, comandante do Corpo de Bombeiros, a escola já possuía um projeto contra pânico e incêndio, mas não tinha os equipamentos de segurança necessários e por isso a escola foi interditada.
Os extintores, lâmpadas e sinalizações de emergência são equipamentos básicos de segurança e já foram instalados pela gestão municipal. Após uma vistoria realizada pelos bombeiros, a escola foi liberada, mas com auto de regulamentação com restrição.
A Prefeitura Municipal terá 180 dias para fazer a instalação dos hidrantes e sistema de proteção para descargas atmosféricas (SPDA). As aulas serão retomadas na partir da próxima segunda-feira (19).

Fonte: G1/RO