Governo do Uruguai concede extradição de doleiros suspeitos de 'lavar' propina no RJ

0
Investigado pela Lava Jato, Juca Bala costumava postar fotos de surfe em balneário uruguaio (Foto: Reprodução/TV Globo)Investigado pela Lava Jato, Juca Bala costumava postar fotos de surfe em balneário uruguaio (Foto: Reprodução/TV Globo)

Investigado pela Lava Jato, Juca Bala costumava postar fotos de surfe em balneário uruguaio (Foto: Reprodução/TV Globo)

O Governo do Uruguai concedeu a extradição dos doleiros brasileiros Vinícius Claret, conhecido como Juca Bala, e Claudio Fernando Barbosa, o Tony. A informação foi confirmada à GloboNews nesta quarta-feira (6) pelo advogado dos dois no Brasil, Márcio Delambert.

Juca Bala e Tony estão presos desde março no Uruguai, após o juiz da 7ª Vara Federal Criminal no RJ, Marcelo Bretas, expedir mandado de prisão contra a dupla.

De acordo com o advogado, assim que receber a notificação do Uruguai, o Governo Brasileiro terá 30 dias para providenciar a transferência de ambos para o Brasil. Caso descumpra o prazo, Juca Bala e Tony podem ser libertados.

O procurador do MPF, Eduardo El Hage, coordenador da Lava Jato no RJ, disse que ainda não foi notificado da decisão.

Vinícius Claret e Claudio Barbosa foram citados na delação premiada dos irmãos Renato e Marcelo Chebar. Ao MPF, os irmãos contaram que durante o tempo que o esquema era chefiado pelo ex-governador, precisaram acionar Juca Bala, no Uruguai, para assumir a lavagem de dinheiro.

Além disso, os irmãos Chebar contaram que Cabral escondia 100 milhões de dólares no exterior.

Delação revela que Juca Bala era peça importante no esquema nas propinas da Odebrecht

Delação revela que Juca Bala era peça importante no esquema nas propinas da Odebrecht

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here