'Homem-Aranha' quase não saiu do papel, conta Stan Lee

0

Da observação de uma mosca em uma parede nasceu a ideia do “Homem-Aranha”, um dos super-heróis mais populares do mundo – explicou seu criador, Stan Lee, em Tóquio, acrescentando que o personagem quase chegou a não existir.

A ideia foi instantânea, mas encontrar um homem para o herói foi muito mais complicado, confessou Lee, de 94 anos, que em um primeiro momento pensou em “Homem-Mosca”, ou “Homem-Mosquito”.

“O nome ‘Homem-Mosca’ não parecia muito espetacular. Então, pensei em ‘Homem-Mosquito’, mas depois que pronunciei ‘Homem-Aranha’, o nome soou muito bem”, lembrou o pai do super-herói.

O artista, que queria inovar, imaginou que o personagem deveria ser um adolescente com muitos problemas pessoais.

“Não teria dinheiro, viveria com sua tia doente, da qual teria de cuidar, e, além disso, iria combater os bandidos”, disse Lee, ao recordar a primeira vez que apresentou o projeto a seu chefe.

Lee foi autorizado, porém, a colocar seu novo personagem no último número de uma revista condenada ao cancelamento.

“Só para me divertir, para matar a vontade, consegui incluir o ‘Homem-Aranha’ nesse último número e não voltei a pensar nele”, completou o criador.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here