Marido é preso pela morte da mulher de 22 anos em Pimenteiras do Oeste, RO

0

Está preso na Casa de Detenção de Cerejeiras (RO) o homem de 29 anos, marido da jovem de 22 anos, que morreu em Pimenteiras do Oeste (RO) no domingo (24). O suspeito contou à Polícia Militar (PM) que a mulher se jogou do carro em movimento. Contudo, a vítima foi encontrada na residência do casal, sem os sinais vitais. Ele foi levado para a Delegacia de Polícia Civil e flagranteado por homicídio na segunda-feira (25). Ele também foi preso por tráfico de drogas, pois a equipe de investigadores encontrou uma porção de maconha na casa dele.

De acordo com o delegado Rodrigo Spiça, no interrogatório, o marido sustentou a versão do acidente. O homem disse que estava dirigindo o carro na velocidade de 50 a 60 km/h no momento em que a mulher se jogou do veículo.

Spiça explica ainda que, depois que o marido foi levado para a delegacia, foi solicitado exame pericial na casa dele, bem como no carro. Uma equipe de investigadores acompanhou os exames na residência do suspeito e encontraram mais de 700 gramas de maconha, mais alguns utensílios utilizados para enrolar a droga para a venda.

Por conta disso, além do homicídio, ele também foi flagranteado por tráfico de drogas. No interrogatório, o homem disse que a droga era para consumo, pois é usuário de drogas.

O corpo da mulher foi levado para o hospital de Cerejeiras, onde foi realizado exame tanatoscópico pelo médico legista. O G1 perguntou sobre a suposta gravidez, de que o suspeito falou à Polícia Militar (PM) e o delegado disse que a mulher não estava gestante.

Questionado sobre o amassado na porta direita do veículo, o suspeito alegou que o dano aconteceu após ele dar marcha ré no carro para pedir ajuda. Ele ainda contou que a mulher pulou do carro em movimento, em uma rua sem asfalto, próxima a residência do casal.

O caso continua em investigação e a Polícia Civil aguarda o resultado de diligências e de laudos periciais para concluir o inquérito.

A vítima foi sepultada na manhã desta terça-feira (26), no cemitério de Pimenteiras do Oeste.

Conforme a PM, a guarnição foi até o hospital do município, mas a mulher já estava morta. O motorista da ambulância e uma enfermeira relataram aos policiais que o homem foi até a unidade de saúde e contou que a mulher havia morrido após se jogar do veículo em movimento.

A equipe de socorristas foi até o endereço do casal e encontrou a mulher na sala, sobre um colchão, próxima a porta, sem os sinais vitais. Depois de ouvirem os profissionais de saúde, os policiais algemaram o marido e o levaram para a delegacia.

Testemunhas contaram aos policias que o casal ingeriu bebidas alcoólicas durante todo o dia e teriam discutido em praça pública.

No interior do carro foram encontradas duas latas de cervejas vazias e uma caixa térmica com gelo. Os policiais constataram ainda que havia areia e forte odor etílico dentro do veículo.

Conforme a PM, na delegacia, o suspeito afirmou que a companheira estava grávida e que, após ela se jogar do carro, ele a levou até a casa ainda com vida.

Fonte: G1 / RO

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here