Mutirão para negociar dívidas em contas de água tem baixa procura em Macapá

0

A procura de consumidores para renegociarem dívidas de contas de água foi baixa durante a primeira manhã no mutirão realizado pela Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) e pelo Tribunal de Justiça do Amapá (Tjap) nesta terça-feira (6), em Macapá. No total, 158 audiências com consumidores estão previstas até quarta-feira (7).

As negociações ocorrem na Central de Tratamento, que fica na Zona Norte. A campanha é uma alternativa para os usuários negociarem débitos em aberto com a companhia através de métodos conciliatórios, sem precisar da judicialização. A expectativa é que R$ 1,5 milhão sejam negociados nesta etapa.

O supervisor da central, Pedro Paulo da Conceição, informou que apesar da baixa adesão, a previsão é que os consumidores notificados possam comparecer até as últimas horas do mutirão e negociar as dívidas.

“Os consumidores devem entender que esta é uma oportunidade que eles podem negociar os débitos, e não uma ação repreensiva. Ele é aberta para moradores de todos os bairros na capital. A localização pode ser uma dificuldade para muitos, mas eles podem procurar a Caesa após o mutirão para fazer a negociação”, destacou.

“Há uma grande demanda de dívidas de altos valores que poderão ser atendidas neste mutirão, mas infelizmente os usuários ainda não procuram a companhia. Quem fizer o atendimento, pode parcelar os valores em até 50 vezes, dependendo do preço das contas atrasadas”, reforçou Xavier.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here