Presidente do Codau alerta população de Uberaba sobre a importância de economizar água  

0

O presidente do Centro Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba (Codau), Luiz Guaritá Neto, convocou coletiva de imprensa na manhã desta terça-feira (19) para reforçar a necessidade de a população economizar água. Segundo ele, não há previsão de chuva para os próximos dias, o que torna as próximas semanas um período crítico.

Mesmo com as três bombas ligadas, a vazão do Rio Uberaba, que abastece a cidade, diminuiu, e o consumo de água aumentou em 20% nos últimos dois meses.

“Estamos chegando à primavera e as chuvas eram para ter acontecido. A notícia ruim que temos que dar é que a expectativa de chuva ainda pode demorar 20 dias. Estamos num período de três semanas futuras, que são críticas. O consumo per capita aumentou em 20% em função da temperatura seca que está presente em mais de 850 municípios brasileiros. Ao mesmo tempo em que temos aumento do consumo, temos uma diminuição diária da vazão do Rio Uberaba. Estamos preocupados com os próximos dias”, ressaltou.

O presidente da autarquia disse que o Codau tem tomado medidas para garantir água a toda população. Porém, ele alertou que é importante que os uberabenses, além de evitar os desperdícios, devem economizar água.

“Todos devem fazer força para economizar, para que a gente use a água de uma forma mais racional. O compromisso do Codau é mandar água, pelo menos uma vez por dia, para todos os lares de Uberaba. As atitudes que são tomadas neste sentido são as manobras nos Centros de Reservatórios para recuperação de nível, ou seja, os reservatórios são eles fechados durante 6h, para que os níveis possam ser melhores distribuídos a todos”, disse o presidente.

Durante a coletiva, Luiz Guaritá Neto informou que outra medida tomada é assinatura de um Decreto de Combate à Crise Hídrica, pelo prefeito de Uberaba, Paulo Piau. “Ele vai assinar este decreto com todas as penalidades que possam ter os consumidores que desperdiçarem água. Temos que usar água racionalmente no consumo diário para que não que não tenhamos problema de falta de água nos próximos dias”, acrescentou.

Guaritá Neto ainda lembrou da importância da construção da Represa Prainha, que está em processo de finalização de desapropriação e na parte final da liberação do meio ambiente.

“Há quatro anos tenho defendido a construção da barragem para que a água que sobrar nas chuvas do começo do ano sejam reservadas. Durante os meses de janeiro a março sobra água 15 vezes mais do que a gente consome, mas ela vai embora para o Rio Paraná; ou seja, não tem onde guardar essa quantidade de água. O Codau está tão envolvido na construção da represa que vamos, de alguma forma, fazer algumas instruções jurídicas para que as obras sejam iniciadas ainda este mês”, avaliou.

Sistema de transposição acionado

O sistema de transposição que libera água do Rio Claro para o Rio Uberaba está totalmente ligado. A primeira bomba foi ligada há menos um mês. A segunda foi ligada no dia 22 de agosto e, a terceira e última, no começo de setembro.

A vazão do Rio Uberaba, conforme dados colhidos nesta segunda-feira (18), é de 1 mil litros por segundo.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here