Produtores rurais de Formiga voltam a captar água do rio após acordo com Prefeitura

0

Os produtores rurais de Formiga foram autorizados, novamente, a retirar água do leito do Rio Formiga e seus afluentes. Durante o período de racionamento de água, lacres foram colocados nas bombas que ficaram interditadas após fiscalizações da Defesa Civil.

A decisão foi comunicada em reunião entre a Prefeitura e a Associação dos Feirantes de Formiga nesta sexta-feira (6). O presidente da associação informou, ainda, que se comprometeu a repassar aos demais agricultores orientação de fazer um rodízio na captação da água.

Ficou acordado que, durante três dias da semana, os produtores não vão retirar água, sendo que nos outros dias estará liberada a captação para irrigação.

Uma análise foi feita pelo diretor do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) em relação ao volume de água captada pela autarquia, que se normalizou. Contudo, segundo o capitão Sousa, o rodízio no fornecimento de água na cidade ainda será mantido.

“Embora as chuvas tenham aparecido, o volume captado não é totalmente satisfatório. Estamos captando hoje, em média, 172 litros por segundo, enquanto que o ideal seria acima dos 190 litros. Por isso, achamos mais prudente manter o racionamento até o período de vigência do Decreto de Situação de Emergência”, destacou.

Como resultado, foram lacradas diversas bombas de retirada de água e 19 pontos de contenção tiveram de ser destruídos pelos produtores. A medida gerou resultado positivo, pois a quantidade de água no Rio Formiga se manteve constante e não diminuiu o volume.

Alguns dias depois, com o início do período chuvoso, os produtores procuraram a Prefeitura pedindo o fim do lacre. Contudo, ficou decidido que todos os dias o Saae mediria o volume da água e os produtores iriam fazer rodízio para captação de água. Agora, o lacre foi removido e todos foram orientados a ter um consumo consciente.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here