Sétima clínica de recuperação de dependentes químicos é fechada em Divinópolis 

0

De acordo com os fiscais da Vigilância em Saúde, a clínica, localizada na comunidade do Cacoco do Meio, funcionava sem licença sanitária e não possuía tratamentos ou medicamentos adequados aos pacientes. No local, estavam internados 11 homens e cinco mulheres.

A Semusa informou que o Serviço Social do município entrou em contato com as famílias para que façam a retirada dos internos do local. O órgão assumiu o atendimento na clínica até que os pacientes sejam transferidos.

A secretaria também informou que, durante a fiscalização, um homem de 48 anos foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) após desmaiar. Ele tinha um corte superficial na cabeça.

Ainda conforme a Semusa, das nove comunidades terapêuticas fiscalizadas em Divinópolis nos últimos três meses, apenas duas foram consideradas em condições regulares de funcionamento.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here