Vereador envia requerimento à Prefeitura de Juiz de Fora pedindo benefícios a taxistas

0

A Câmara Municipal de Juiz de Fora aprovou nesta terça-feira (19) um requerimento de autoria do vereador Charlles Evangelista (PP), que propõe que a Prefeitura libere os permissionários de táxis da cidade de todas as taxas e impostos.

O G1 entrou em contato com a assessoria do Executivo, que informou que ainda não recebeu o documento e que vai aguardar para analisar o conteúdo e se posicionar posteriormente.

De acordo com o parlamentar que protocolou o requerimento, o objetivo da medida é promover a igualdade nas condições para que taxistas e motoristas de Uber possam concorrer.

“Defendo o Uber também, tanto que o projeto para regularização na cidade é meu, mas como os motoristas que utilizam o aplicativo não pagam taxas, eles podem oferecer preços mais baixos do que os taxistas, o que causa uma situação desigual na concorrência”, disse.

Para Evangelista, a isenção poderá permitir que as tarifas cobradas pelo serviço de táxi sejam menores, o que beneficia diretamente a população, que contará com preços mais acessíveis.

“A liberação das taxas e impostos permitirá que estes recursos sejam investidos na melhoria da qualidade dos veículos e, ainda, os preços devem cair para o consumidor”, completou.

Disputa entre táxis e Uber

Atualmente, Juiz de Fora tem 623 táxis em circulação. O sindicato que representa a classe fala em manutenção da qualidade do serviço e defende que a ampliação da frota por causa da licitação feita pela Prefeitura gerou um investimento alto para os motoristas.

Conforme os meses passaram, os taxistas encontraram alternativas para concorrer com o Uber. Eles se reuniram, criaram cooperativas, padronizaram alguns serviços, mudaram a postura e o atendimento e ofereceram descontos aos usuários.

A Lei nº 13.271 foi sancionada pelo prefeito Bruno Siqueira (PMDB) em 2015, proibindo o método de trabalho e estabelecendo punições. Por ela, motoristas que descumprissem a determinação pagavam multa de R$ 1.700 e tinham o veículo apreendido.

Fonte: G1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here