A manutenção da alta dos preços dos alimentos, de carnes até itens da cesta básica, como óleo de soja e arroz, preocupa o Ministério da Agricultura. Mesmo com a entrada de uma nova safra recorde de grãos, a avaliação da Pasta é que os produtos continuarão mais caros aos consumidores, acompanhando um movimento global de aumento das cotações e do câmbio. A ministra Tereza Cristina afirmou hoje que trabalha para garantir o abastecimento interno, e que não vê perspectivas de alteração desse cenário no curto prazo.

Conteúdo retirado do site: Valor