Com a pandemia de Covid-19, muitos dos processos seletivos realizados ao vivo foram transferidos para o digital – e o recrutamento de novos colaboradores ganhou força. As contratações à distância aumentaram 87,9% em 2020, segundo levantamento realizado pela Unico, empresa especializada em identificação digital.

Ainda de acordo com o relatório, a companhia registrou 163 mil admissões de forma remota no ano passado.

publicidade

Dentre os principais setores que mais realizaram contratações à distância está o varejo, respondendo por 43% do total.

Pandemia fez com que recrutadores aderissem às videochamadas. Crédito: Shutterstock

O pico de novos colaboradores no setor teve um crescimento expressivo entre outubro e novembro, durante dois dos principais eventos da área: Black Friday e Natal. Foram mais de 10 mil processos para vagas temporárias.

Em janeiro de 2021, o levantamento também aponta 16.650 novas contratações, montante 58% acima do registrado no mesmo período do ano anterior.

Considerando que o número de desempregados no Brasil bateu a marca de estimados 14 milhões em 2020, segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), do IBGE, ter a possibilidade de realizar processos como este à distância pode mitigar riscos à saúde e auxiliar a recolocação de pessoas no mercado.

Veja também!

Um dos benefícios que os processos de contratação à distância oferecem é a praticidade e agilidade. Segundo a Unico, é possível com uma das soluções da empresa, contratar um colaborador em até 43 minutos – incluindo a assinatura de todos os documentos eletronicamente.

Via: O Globo

Conteúdo retirado do site: Olhar Digital