A norueguesa Yara, maior empresa de fertilizantes do mundo, registrou receita líquida de US$ 2,9 bilhões no quatro trimestre do ano passado, recuo de 3,4% ante o mesmo período de 2019. O lucro líquido cresceu 23,6% na comparação, para US$ 246 milhões, enquanto o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) caiu 3%, para US$ 484 milhões.

Conteúdo retirado do site: Valor