quinta-feira, julho 9, 2020
Publicidade
Home Política Ministro do STF concede a Delúbio Soares perdão de pena no mensalão

Ministro do STF concede a Delúbio Soares perdão de pena no mensalão

Também nesta quinta-feira, plenário perdoou pena de João Paulo Cunha.
Delúbio foi condenado a 6 anos e 8 meses de prisão, mas cumpria em casa.

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu nesta quinta-feira (10) perdão da pena do processo do mensalão ao ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares.

A decisão de Barroso foi tomada após o plenário conceder o chamado indulto natalino (perdão da pena) ao ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha (PT-SP) e autorizar o relator das execuções penais do mensalão a deliberar sozinho sobre outros casos.

A decisão se baseia em decreto publicado no “Diário Oficial da União” em dezembro do ano passado, que concede perdão a presos de todo o país que se enquadrem nos critérios pré-estabelecidos pelo Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária.

Quem obtém indulto fica livre de cumprir o restante da pena e não tem nenhuma restrição, como se apresentar à Justiça periodicamente. O benefício está previsto na Constituição como uma atribuição do presidente da República e, tradicionalmente, é concedido na época do Natal.

Delúbio Soares foi condenado a 6 anos e 8 meses de prisão no regime semiaberto pelo pelo crime de corrupção ativa. Preso em novembro de 2013, foi autorizado no fim de setembro de 2014 a cumprir o restante da pena em prisão domiciliar. Com a decisão de Barroso, ele fica livre.

Fonte: G1

- Advertisment -

As Mais Lidas

Francês suspeito de ter abusado de 300 menores pode ser condenado à morte na Indonésia

Um aposentado da França suspeito de abusar sexualmente de mais de 300 menores foi detido em Jacarta e pode ser condenado à...

Itália bloqueia entrada de turistas de 13 países, incluindo o Brasil

Os voos, diretos ou com escala, com origem ou destino a qualquer um destes países estão suspensos. O ministro ressaltou, após...

Estátua queimada de Melania Trump é retirada na Eslovênia

Brad Downey, um artista norte-americano que mora em Berlim, afirmou à Reuters que ele removeu a escultura queimada e desfigurada em...

Autoridades do Japão orientam a não gritar em montanhas-russas para conter coronavírus

Autoridades do Japão estão orientando visitantes de parques de diversões a não gritarem em montanhas-russas e os torcedores a não cantarem durante...